O louco como a agente político consciente

Por Eduardo Henrique Nascimento Silva.

“Mas como justificar a volta de uma prática tão nefasta que, com a Revolução de Outubro havia sido abolida, para os tempos soviéticos? Stálin se apoiou no próprio Artigo 58 para justificar que era necessário um tratamento médico aos seus opositores. Continue lendo…

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑