Etiqueta: Economia

Meu 1989

Por Li Minqi, traduzido por Leonardo Griz Carvalheira Prefácio do livro The Rising of China and the Demise of the Capitalist World Economy, NYU Press, 2008 [“A Ascensão da China e o declínio da Economia-Mundial Capitalista”].

Leia mais »

Vida Cotidiana e a cultura da Coisa (Rumo à formulação da Questão)

Por Boris Arvatov[1], traduzido por Christina Kiaer (russo-inglês) [N.T.I.] e Maria del Carmen Delgado Rodríguez (inglês-português) [N.T.P.] “Se a fase final do capitalismo – com sua luta competitiva raivosamente se intensificando e constante pressa febril – é um estágio de alto dinamismo, então nós devemos ter em mente que nós estamos lidando primariamente com o

Leia mais »

Por uma esquerda que não odeie o debate organizativo

Por Germano Molardi Recentemente, a Boitempo publicou em seu blog um texto de Christian Dunker, intitulado “Por uma esquerda que não odeie o dinheiro”, em que a principal conclusão é a de que “enquanto não inventarmos uma nova maneira de fazer circular o dinheiro sem que ele seja um pecado laico entre nós, será difícil

Leia mais »

A Epidemia do Filósofo

Por Marco D’Eramo, via New Left Review, traduzido por Julio d’Avila “Não haverá recuperação. Haverá convulsão social. Teremos violência. Haverão consequências sociais e econômicas: desemprego dramático. Cidadãos sofrerão dramaticamente: alguns morrerão, outros se sentirão muito mal.”

Leia mais »

Para uma Geografia dos Investimentos de capitais. O exemplo da África Negra

Por Jean Dresch. Traduzido por Mario Matos, professor de Geografia – na Educação Básica da rede pública do estado de Minas Gerais  “Se é verdade que a geografia econômica e humana não se resume a uma descrição, mas compreende também uma explicação de fatos econômicos e humanos, podemos ficar surpresos que obras e artigos não

Leia mais »

Existe Mercado Socialista?

Por Beto Silva Portanto, a possibilidade de comprar e explorar a mercadoria força de trabalho é a essência do capitalismo. Foi a transformação do trabalho em mercadoria que potencializou a circulação mercantil dos demais produtos. O predomínio da circulação de mercadorias em geral é o desdobramento da transformação do próprio trabalho em mercadoria.  É a

Leia mais »
Louis Althusser

Ideologia e Estado em Althusser: Uma Resposta

Por Eginardo Pires, via Encontros com a Civilização Brasileira, transcrito por Rômulo Cassi Soares de Melo Em meio ao clima de medo em relação a corrente althusseriana[1], o Brasil debatia, na década de 1970, o ensaio Ideologia e Aparelhos ideológicos de Estado de Louis Althusser. Exatamente nesse contexto, intervém Eginardo Pires, dirigindo sua crítica impiedosa

Leia mais »