Etiqueta: Comunismo

O Programa do Partido Operário francês

Por Karl Marx e Jules Guesde, via marxists.org, traduzido por Pedro Abilio “A rejeição dessas reformas iria, como Guesde acreditava, ‘liberar o proletariado de suas últimas ilusões reformistas e convencê-los da impossibilidade de evitar uma revolução”. Acusando Guesde e Lafargue de uma ‘fraseologia revolucionária’ e de negar o valor das lutas por reformas, Marx fez

Leia mais »

Artigo inédito de Gramsci: A marcha fascista sobre Roma

Por Antonio Gramsci, via Jacobin Magazine, traduzido por Marcelo Bamonte Quando os fascistas italianos de Benito Mussolini deram o golpe de Estado em outubro de 1922, Antonio Gramsci estava em Moscou – e seu primeiro artigo em resposta aos eventos foi publicado em russo. Virtualmente, estava perdido por um século. Nós o publicamos em português

Leia mais »

Nazim Hikmet Ran: O poeta da esperança proletária

Por Gercyane Mylena Pereira de Oliveira O presente escrito é fruto de reflexões realizadas a partir do artigo escrito por Nikos Motta para o portal In Defense Of Communism, blog marxista leninista sobre a vida política do grande poeta turco Nazim Hikmet. Nascido em Salónica em 1902, no seio de uma família culta, Nazim Hikmet

Leia mais »

O mito do elitismo em Lênin

Por Paul D’Amato. Via International Socialist Review, traduzido por Juan Rodrigues. “Reciclando as mesmas duas ou três citações e se estruturando em conceitos acerca de Lênin estabelecidos pelos mencheviques, muitos historiadores concluem que a única contribuição de Lênin para o marxismo, expressa em “Que Fazer?”, consiste na concepção de organização revolucionária enquanto partido centralizado e

Leia mais »

Capitalismo Comunicativo e a Forma Revolucionária

Por Jodi Dean, traduzido por Camila Araujo e revisado por Diogo Fagundes, originalmente publicado em Dean, J. (2019). Communicative Capitalism and Revolutionary Form. Millenium: Journal of International Studies Este ensaio leva em consideração a forma política pressuposta em questões de resistência e revolução. Ele situa a resistência e a revolução no capitalismo comunicativo, um arranjo

Leia mais »

Sobre o Levante Vermelho de 1935: Notas sobre “Intentona Comunista”.

Por Paulo Marçaioli São conhecidas as críticas que os historiadores suscitam quanto à denominação do movimento como “intentona”. A palavra tem inequívoco sentido pejorativo, e foi uma forma com que a repressão oficial buscou estigmatizar o levante, dentro da costumeira perspectiva anticomunista. O caráter pejorativo do termo certamente não passou desapercebido pelo historiador marxista Nelson

Leia mais »