Etiqueta: Filosofia

Os quatro princípios do marxismo

Por Alexis Cukier e Isabelle Garo, via Positions Politics, traduzido por Diogo Fagundes Nessa pequena entrevista conduzida por Alexis Cukier e Isabelle Garo em 2019, o filósofo francês Alain Badiou fala sobre o que considera ser quatro princípios fundamentais do marxismo. Trata também da conjuntura e das lições de maio de 1968 na França, bem como

Leia mais »

O dilema atual da participação social e o Brasil

Por André Márcio Neves Soares O documentário chamado “O dilema das redes sociais”, exibido pela Netflix, é emblemático para a realidade brasileira por dois motivos: 1) a sensação do aumento de inclusão e participação social com o progresso da tecnologia de entretenimento virtual é uma fantasia;  e 2) o Brasil, como um país periférico, com

Leia mais »

A luta anticolonial contra o império cognitivo

Por Eduardo Bonzatto Os italianos têm um ditado que diz que o diabo faz as panelas, mas não faz as tampas. O significado é que ele abre o malefício, a caixa de pandora, mas não deixa fechar para revelar o que se fez. Assim é a luta anticolonial, que é a luta contra as verdades

Leia mais »

Uma introdução ao pensamento de Lênin

Por Henri Lefebvre, via LavraPalavra Prefácio do autor ao livro “O pensamento de Lênin”, publicado pela LavraPalavra Editorial em abril de 2020, por ocasião do aniversário de 150 de Vladímir Ilitch Uliánov, vulgo Lênin.

Leia mais »

13 teses e alguns comentários sobre a política hoje

Por Alain Badiou, traduzido por Diogo Fagundes, trecho extraído do livro “Je vous sais si nombreux” (Ed. Fayard, Paris, 2017) Estas teses e seus respectivos comentários foram proferidas em uma palestra para jovens franceses no ano de 2017. Podemos notar, além de teses reminiscentes da Organisation Politique (1985-2007), como as de número 11 e 12,

Leia mais »

Kant e Sade: o casal ideal

Por Slavoj Žižek, via Lacanian Ink, traduzido por Matheus Cornely De todos os casais na história do pensamento moderno (Freud e Lacan, Marx e Lenin), Kant e Sade é, possivelmente, o mais problemático: o enunciado “Kant é Sade” é o “juízo infinito” da ética moderna, pondo o sinal da equação entre esses dois opostos radicais,

Leia mais »