Categoria: Crítica da Economia

A educação no contexto da dependência brasileira

Por Felipe Montiel da Silva “No contexto, para compreender a estruturação do sistema de ensino nacional, é preciso ter em conta que o Brasil não está preso numa espécie de dimensão temporal arcaica na qual a civilização ocidental chegou à metade. O Brasil, por mais óbvio que possa parecer, chegou ao século XXI ao mesmo

Leia mais »

Dialética da Natureza de Engels no Antropoceno

Por John Bellamy Foster, via Monthly Review, traduzido por Catarina Duleba Como Paul Blackledge afirmou em um estudo recente sobre o pensamento de Engels, “a concepção de Engels de uma dialética da natureza abre um lugar através do qual as crises ecológicas” podem ser entendidas como enraizadas na “natureza alienada das relações sociais capitalistas”. É

Leia mais »

O fogo de palha da economia estadunidense

Por Michael Roberts, via Michael Roberts blog, traduzido por Ana Carolina de Paula e Isabela Ferreira Gesser Na semana passada [escrito em 21.03.21], o Sistema de Reserva Federal dos EUA (FED) elevou suas previsões de crescimento para a economia americana deste ano e do seguinte.

Leia mais »

O mito do elitismo em Lênin

Por Paul D’Amato. Via International Socialist Review, traduzido por Juan Rodrigues. “Reciclando as mesmas duas ou três citações e se estruturando em conceitos acerca de Lênin estabelecidos pelos mencheviques, muitos historiadores concluem que a única contribuição de Lênin para o marxismo, expressa em “Que Fazer?”, consiste na concepção de organização revolucionária enquanto partido centralizado e

Leia mais »
Fiódor Usipenko. Operação Noturna (1958)

Militarismo e Capitalismo: Apontamentos para uma Teoria Materialista da Guerra

Por Antonio Galvão Recentemente, publicamos um artigo acerca da Guerra Híbrida, por meio do qual procuramos entender tal fenômeno à luz das teorias marxistas focadas na categoria das formas sociais. Contudo, o exercício dessas reflexões acerca da Guerra Híbrida nos ensejaram uma nova inquietação, relacionada ao entendimento do próprio fenômeno bélico em sentido amplo. Além

Leia mais »

A crise global de 2008: uma análise marxista dos perigos da financeirização da economia

Por Lucas Barroso* Desde a metade do século XIX, Karl Marx (1818-1883) já previa a centralidade dos Estados Unidos no mercado mundial. Em seu artigo “Deslocamentos do Centro de Gravidade Mundial”, o sociólogo alemão tece suas análises sobre a conjuntura econômica estadunidense a partir de uma recente descoberta de minas de ouro nas minas californianas. 

Leia mais »