Etiqueta: Conjuntura

Amor e ódio: Uma unidade de diversos no espirito revolucionário

Por Caique de Oliveira Sobreira Cruz[1] Nesta sociedade fraturada em duas grandes classes, capital e trabalho, onde os capitalistas exploram e oprimem o povo, não podemos devolver o ódio da classe burguesa contra os despossuídos com a resignação, ou seremos atropelados, esmagados. O ódio aos exploradores é um meio de defesa contra as injustiças desta sociabilidade

Leia mais »

Hegemonia, crises e conjuntura: ensaio sobre a situação brasileira

Por João Miranda Jair Messias Bolsonaro, até há pouco tempo, não passava de um político do chamado “baixo clero”, expressão usada para designar parlamentares de baixa expressão na Câmara de Deputados que, comumente, colocam em primeiro lugar os seus interesses particulares e provincianos.

Leia mais »

Novo livro revela as origens e as entranhas da nova direita

Por João Miranda “Através da multiplicação de uma miríade de aparelhos de difusão, gradativamente a ideologia dominante ganha notoriedade e força, adquire ressonância em diferentes espaços da vida social e as formas de atuação da burguesia estabelecem conexões nacionais e transnacionais.”

Leia mais »

Karl Marx e as Fake News: Sobre a indústria de mentiras do capital

Por Edson Mendes[1] “Talvez, ao tratar as fake news, parte da estratégia eleitoreira de Steve Bannon, como uma grande novidade de nossos tempos nos faça perder de vista o essencial: a base da estrutura que permitia os jornais antigos de espalharem notícias falsas, por exemplo, sobre Marx e que permitem, hoje, a ascensão da extrema-direita

Leia mais »

O estado contemporâneo da Etiópia

Por Elizabeth Giorgis, via Africa is a Country, traduzido por Rodrigo Manso 2018 foi o ano de uma mudança fundamental na forma de atuação dos governantes da Etiópia. Como isto aconteceu, o que está incompleto, e o que ocorrerá a seguir?

Leia mais »

Sobre as eleições presidenciais de 20 de maio na Venezuela

Por Sonia Boueiri, traduzido por Daniel Fabre Professora venezuelana analisa as eleições presidenciais passadas e aponta as inconsistências do discurso “abstencionista” da oposição. O pleito foi, na verdade, uma grande manifestação por mudanças econômicas e demonstrou que a direita venezuelana perdeu seu “melhor momento eleitoral”.

Leia mais »

2016, o ano que não terminou

Por Douglas Rodrigues Barros Sócrates ao conversar com Êutifron às portas do edifício do arconte-rei nos deixou uma importante lição: a impossibilidade de medir uma ação a partir da conjuntura imediata. Quem conhece o belíssimo texto platônico sabe que, malandramente, Êutifron, depois de se deixar envolver pela maiêutica, se cansa e interrompe o diálogo com

Leia mais »