Not my president: a esquerda socialista nos EUA e a “crise da representação”

Por Gabriel Landi Fazzio

Após a vitória eleitoral indireta de Donald Trump (que se elegeu presidente com quase 200 mil votos a menos do que a candidata Democrata, graças aos apoios que obteve no Colégio Eleitoral), dezenas de milhares de pessoas saíram às ruas em diversas cidades estadunidenses. Continue lendo…

Anúncios

O feminismo se junta ao pensamento marxista

Por Nicole-Edith Thévenin, via L’Humanité, traduzido por Daniel Alves Teixeira

Filósofa e psicanalista, Nicole-Edith Thevenin dá uma declaração firme sobre o movimento feminista, que ela acredita, hoje, estar confinado somente a reivindicar os direitos das mulheres e à reclamação. Continue lendo “O feminismo se junta ao pensamento marxista”

A república das bananas

Por Douglas Rodrigues Barros

A deposição de Dilma Rousseff trouxe atona diversas questões sobre a política nacional. De certa forma, estamos de volta à republica das bananas, tomada por interesses escusos das velhas elites familiares. No presente artigo o autor aborda como a farsa jurídico-parlamentar de 2016 Continue lendo…

Entrevista com Alain Badiou

Por Clement Petitjean, via Verso, traduzido por Diogo M. Carvalho de Oliveira, membro do Círculo de Estudos da Ideia e da Ideologia – CEII

Seria um erro perceber o filósofo Alain Badiou como sendo apenas um ativista político – há muito sendo um maoísta – ou um polemicista – seu pequeno livro “The Meaning of Sarkozy” (O Significado de Sarkozy) fez seu nome entre o público mais geral. Continue lendo…

O estudo da ideologia e a filosofia da linguagem

Por Valentin Voloshinov, traduzido por Daniel Fabre.

Valentin Voloshinov foi um filosofo da linguagem russo, da primeira metade do século XX. No presente excerto, extraído da obra O Signo Ideológico e a Filosofia da Linguagem, o renomado discípulo de Mikhail Bakhtin aborda o problema do signo ideológico, tendo em vista a relação entre o marxismo e a filosofia da linguagem. Continue lendo…

Um outro sem Outro

Por Daniel Alves Teixeira.

Não é esperado do “estrangeiro” que se mobilize politicamente, ou traga demandas de justiça. O importante é que ele reconheça a “nobreza” de sua acolhida e aceite as regras do jogo a que ele, talvez ainda mais do que aqueles que aqui nasceram, escolheu voluntariamente aderir. A ideologia é mesmo o lugar das aparências, pois aqui a “tolerância” é a forma exata da aparição de seu oposto. Continue lendo…

A ideologia do contrato de trabalho

Entrevista a Gustavo Seferian, por Gabriel Landi Fazzio.

Militante e advogado trabalhista, Gustavo Seferian desenvolve em seus estudos uma reflexão marxista sobre o direito do trabalho – e uma crítica ideológica das ofensivas neoliberais contra o mesmo. Entrevistado, o pesquisador debate o avanço das formas de terceirização, o mito da “inspiração fascista” da CLT e a posição da classe trabalhadora frente ao direito do trabalho, nos tempos atuais.

Continue lendo…

Capital sem Capitalismo (Parte II)

Por Sandino Nuñez, traduzido por Daniel Fabre.

Sandino Andres Nuñez é um importante filósofo e escritor latino-americano, pouco conhecido no Brasil. Especializado em epistemologia e filosofia da ciência pela Universidad de la Republica, o autor investiga a possibilidade de crítica da cultura contemporânea, identificando nela o caráter a-simbólico do capitalismo tardio. Busca ainda revitalizar a teoria do sujeito e a psicanálise, colocando a subjetividade como uma ferramenta da socialização política.

Continue lendo…

Capital sem Capitalismo (parte I)

Por Sandino Nuñez, traduzido por Daniel Fabre.

Sandino Andres Nuñes é um importante filosofo e escritor latino-americano, pouco conhecido no Brasil. Especializado em epistemologia e filosofia da ciência pela Universidad de la Republica, o autor investiga a possibilidade de crítica da cultura contemporânea, identificando nela o caráter a-simbólico do capitalismo tardio. Busca ainda revitalizar a teoria do sujeito e a psicanálise, colocando a subjetividade como uma ferramenta da socialização política.

Continue lendo…

Classe, Raça e Ideologia

Por Kwame Nkrumah, traduzido por Daniel Fabre.

Kwane Nkrumah foi o grande líder da independência de Ghana e um dos mais influentes pensadores do chamado ‘socialismo africano’. Influenciado pelas ideias de Marcus Garvey, do marxista C.L.R. James, do exilado russo Raya Dunayevskaya e do sino-americano Grace Lee Boggs, Nkrumah desenvolveu sua obra em constante relação com os desenvolvimentos da luta independentista na África.

Continue lendo…

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑