Etiqueta: Realismo Capitalista

Futebol/Realismo capitalista/Utopia – Mark Fisher

Por Mark Fisher, traduzido por Reginaldo Gomes e Antonio Augusto Galvão de França. Originalmente em K-Punk O “futebol inglês”, alegou o escritor Robin Carmody na sua página no LiveJournal, “é uma metáfora do que os neoliberais fizeram precisamente à própria Inglaterra…” Mas é mais do que uma metáfora. O futebol tem estado na vanguarda da

Leia mais »

Deixar Mark Fisher ir. Sobre fantasmas, nostalgia e luto.

Por Pepe Tesoro. Traduzido por Reginaldo Gomes. Quatro anos após sua morte, a figura de Mark Fisher se vê ameaçada por uma situação paradoxal. Por um lado, grande parte de sua obra inspira o combate à vã nostalgia da esquerda e à mistificação inoperante de suas estratégias tradicionais, e encoraja o projeto emancipador a se

Leia mais »

Uma precarização psíquica de magnitude quase inconcebível – Escritos a partir de K-punk de Mark Fisher

 Por Emiliano Exposto[1][2],via Cajanegra Editora, traduzido por Reginaldo Gomes A infraestrutura desejante do capital estimula forças psíquicas sinistras que ele descarta porque não pode controlar. Os poderes surreais e aterradores do inconsciente são desencadeados e descartados pela mesma maquinaria libidinal capitalista que a desperta, captura e obstrui. 

Leia mais »

Guerra Híbrida: Sintoma do Realismo Capitalista

Por Antonio Augusto Galvão de França A tipificação da guerra contemporânea é usualmente feita conforme marcos temporais, estabelecidos a partir das técnicas e táticas preponderantes em determinados períodos, variando da primeira à quarta geração. De acordo com esses parâmetros, as guerras de primeira geração foram aquelas em que se empregavam armas pessoais e de artilharia

Leia mais »

Lembre-se de quem é o inimigo

Por Mark Fisher, via k-punk, traduzido por Reginaldo Gomes e Maria Victória Limoeiro  Este texto foi originalmente publicado no blog k-punk em 25 de novembro de 2013

Leia mais »