Etiqueta: Jones Manoel

Não é hora de criticar Lula?

Por Gabriel Landi Fazzio Lula acredita que conciliar a esquerda e os trabalhadores com a burguesia liberal é o único caminho para isolar e derrotar o bolsonarismo. Mas esse é justamente o caminho que incubou e fortalecerá a extrema-direita. Para lutar por uma tática de independência de classe e por uma estratégia anticapitalista, é fundamental

Leia mais »

Uma entrevista com Siba

Por Diego Miranda, Jones Manoel e Heribaldo Maia, via Revolushow, transcrito por Camilo da Rosa Simões “A arte tem uma potência política quando ela se constitui enquanto um movimento coletivo. Agora, o artista individual na política, especialmente o artista profissional, aí eu acho que esse aí ele tem mais é que baixar a bola, e não

Leia mais »

O Programa do Partido Operário francês

Por Karl Marx e Jules Guesde, via marxists.org, traduzido por Pedro Abilio “A rejeição dessas reformas iria, como Guesde acreditava, ‘liberar o proletariado de suas últimas ilusões reformistas e convencê-los da impossibilidade de evitar uma revolução”. Acusando Guesde e Lafargue de uma ‘fraseologia revolucionária’ e de negar o valor das lutas por reformas, Marx fez

Leia mais »

Dualismo ético-moral e miséria teórica: resposta ao artigo do El País

Por Jones Manoel Em um debate teórico-político, quando se insinua simpatias não declaradas e objetivos ocultos ao interlocutor ou adversário, é importante aceitar com tranquilidade o mesmo pensamento de volta. Aliado a isso, todo escrito que se propõe a ser uma baliza moral precisa usar a moral e ética defendida para si próprio. Essa introdução

Leia mais »

A armadilha liberal do discurso anti-stalinista

Por Gustavo Barbosa Em seus diários sobre a visita que fez à União Soviética no início da década de 50, Graciliano Ramos narra como foi fácil se aproximar de Stálin durante um desfile público. “E não haviam procurado saber se eu conduzia uma arma”, assustou-se o escritor ao se deparar com a displicência dos guardas,

Leia mais »

O legado militante de Malcolm X

Por Carlito Rovira, via Liberaration News, traduzido por Vinicius Souza Em 19 de maio de 1925, uma figura revolucionária admirável e decidida nasceu em Omaha, Nebraska. Essa figura, que alcançaria destaque na luta de libertação das massas afroamericanas, ficaria na história como Malcolm X.

Leia mais »

Autofobia e liberalismo

Por Diogo Fagundes É impressionante a repercussão toda em torno da entrevista do Caetano Veloso. Ele apenas afirmou duas coisas: i) não é mais liberal; ii) possui um respeito maior pela história do socialismo do que possuía no passado. Estas duas orientações são decorrentes da leitura de Domenico Losurdo, segundo ele. Isto foi suficiente para

Leia mais »