Etiqueta: Pós-Capitalismo

Como um Ladrão em plena luz do dia: poder na era do pós-capitalismo

Por Felipe Taufer e Moisés João Rech “Para que nossa forma de consciência social contemporânea atravesse a barreira do cinismo, sugere Žižek, somos impelidos a recuperar uma das lições fundamentais de Hegel: temos de levar a realidade mais a sério do que ela própria se leva. Só que a realidade é irônica. Pois se há

Leia mais »

Um Século de Fúria na Extrema-Direita Latino-Americana

Por David Pavón-Cuéllar. Traduzido por Daniel Fabre, via LavraPalavra em Contribuições Psicanalíticas a uma Política dos Afetos  “A fúria da extrema direita é algo afetivo e irracional, mas também tem origem na razão, é também racionalizada e racionalizadora, pensada e pensante, falada e falante, atuada e atuante: algo em que vemos apagar as fronteiras entre

Leia mais »

O ultraliberalismo enquanto categoria conceitual

Por João Elter Borges Miranda “O ultraliberalismo enquanto categoria traz elementos mais precisos para conceituar a série de correntes que se formam ao longo do século XX. Tais correntes são, tradicionalmente, denominadas de neoliberais.”

Leia mais »

Os (des) Limites do Futuro.

Por Eitor Ramiro “A maioria das distopias aponta para um aprofundamento do capitalismo, e uma quase destruição da humanidade. O que é sintomático, afinal é mais fácil pensar no fim do mundo do que no fim da sociedade burguesa. Ou seja, é construído um aspecto de eternidade a um sistema, que assim como os outros,

Leia mais »

Mercado no Socialismo? Por quê? Como?

Por Pedro Felipe Narciso “Se o mercado persiste à revolução política socialista, como ele pode ser útil ao socialismo? Basicamente, o mercado nas formações sociais socialistas cumpre duas grandes funções. A primeira é funcionar, tal como preconizado por Oskar Lange, como indicador econômico, possibilitando o cálculo econômico racional dos órgãos planejadores. E segundo, desenvolver as forças

Leia mais »

Distopia ou Utopia: Diante de quem o futuro se ajoelhará?

Por André Márcio “Pois bem, pelo menos parece não restar uma dúvida: a de que a utopia precisa voltar a ser a chave benjaminiana contra os escombros do progresso e a catástrofe do futuro. É preciso escovar a história a contrapelo para vislumbrar uma saída diferente do que a mesma projeta para nós. Caso contrário,

Leia mais »

Alain Badiou e a Verdade na Política Revolucionária

Por Alain Badiou, traduzido por Vinícius Okada M. M. D’Amico a partir da versão em inglês do livro (excertos de seu prefácio) Logic of Worlds, Editora Continuum, 2009. “A agonia da França não nasceu das enfraquecedoras razões para acreditar nela — derrota, demografia, indústria, etc. — mas da incapacidade de acreditar em coisa alguma”.- André

Leia mais »

O que acontece depois da meia noite? Reflexões sobre o Apocalipse

Por Pedro Mauad “Ou seja, não temos o que perder, pois o que temos atualmente é o próprio apocalipse em seus desdobramentos. Trata-se, então, de criar e construir isso que pensamos estar em risco. Mediante nosso esforço em salvar a humanidade podemos criar, pela primeira vez, uma humanidade de fato a ser salva, já que

Leia mais »