A classe média, a miopia do reformismo e clareza de Thalheimer

Por Fernando Savella

Em um restaurante, a proprietária, já idosa, cobra de suas funcionárias algumas tarefas que deixaram de ser feitas. Conjectura acerca de outras coisas que, apesar de terem sido feitas, desconfia que foi com desleixo. “É assim que vocês fazem quando eu não estou aqui.” “Não é?” – inquisitiva sobre uma funcionária alheia às críticas. Continue lendo “A classe média, a miopia do reformismo e clareza de Thalheimer”

Anúncios

Clara Zetkin: “Fascismo” (1923)

Por Clara Zetkin, via marxists.org, traduzido por Gabriel Landi Fazzio

No fascismo, o proletariado é confrontado por um inimigo extraordinariamente perigoso. O fascismo é a expressão concentrada da ofensiva geral empreendida pela burguesia mundial contra o proletariado. Sua derrubada é, portanto, uma necessidade absoluta, ou melhor, é mesmo uma questão da

Continue lendo “Clara Zetkin: “Fascismo” (1923)”

A recusa do Partido Comunista Grego em participar em um governo burguês

Por Aleka Papariga, via Communist Review 2013, 2 (revista teórica do KKE), traduzido do grego por In Defense Of Greek Workers, traduzido ao português por Pelo Antimperialismo, revisado por Gabriel Landi Fazzio

“Depois de cada tal período de participação, os PCs perderam o poder em benefício da social-democracia; eles foram enfraquecidos, precisamente porque eles eram vistos como tendo compartilhado a responsabilidade Continue lendo…

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑