O outro 8 de março: lembrar é resistir

Por Betto della Santa*, via Blog Convergência.

No dia 8 de março de 1857, trabalhadoras fabris de uma indústria têxtil de Nova Iorque, em greve e ocupação pela diminuição da jornada de trabalho, foram trancadas. A fábrica foi incendiada pelos patrões, provocando-se assim a morte de 129 operárias. Continue lendo…

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑