Reflexões sobre cansaço escópico durante a pandemia

Por Patrícia P. Ferreira e Clarice P. Paulon

Começamos escrevendo estas palavras que seguem utilizando o presente. Dias depois, quando voltamos para seguir a escrita, não sabíamos mais qual tempo verbal usar. Estamos em meados de junho e no Brasil, na cidade de São Paulo (e em muitas outras), o momento é de ‘reabertura’ ao mesmo tempo em que a curva de contaminação e morte continua em ascendência. Seguimos assistindo pelas janelas, insistindo no presente. Continue lendo “Reflexões sobre cansaço escópico durante a pandemia”

Atualidade da ideologia do embranquecimento no Brasil

Por Pedro Souza[1]

Nos últimos dias, seja no Brasil, seja ao redor do mundo, como nos EUA ou em Hong Kong, o que temos visto é o acirramento da luta de classes, com suas especificidades nacionais. O foco deste texto é uma abordagem sobre o contexto brasileiro, especialmente a temática racial. Continue lendo “Atualidade da ideologia do embranquecimento no Brasil”

9.5 teses sobre arte e classe

Por Ben Davis, traduzido por Bruno Trochmann

Ben Davis é um crítico de arte estadunidense. Em 2009 ele publicou o seguinte texto em forma de panfleto para acompanhar sua fala sobre o tema de classe em uma exibição na galeria Winkleman, em Nova Iorque. Em 2013 o panfleto foi reeditado como parte do livro com o mesmo nome, onde Davis junta outros textos e ensaios sobre o tema. A seguinte tradução foi retirada do livro. Continue lendo “9.5 teses sobre arte e classe”

Existe Mercado Socialista?

Por Beto Silva

Portanto, a possibilidade de comprar e explorar a mercadoria força de trabalho é a essência do capitalismo. Foi a transformação do trabalho em mercadoria que potencializou a circulação mercantil dos demais produtos. O predomínio da circulação de mercadorias em geral é o desdobramento da transformação do próprio trabalho em mercadoria.  É a existência do mercado de trabalho – e não do mercado em geral – que caracteriza e fundamenta o capitalismo.

Continue lendo “Existe Mercado Socialista?”

Um cheiro de perfume podre: paranoia, negação e militares

Por André Márcio

“O Brasil pandêmico tem um cheiro de perfume podre e todos nós sabemos de onde ele vem. Na verdade, esse cheiro está hoje disseminado por toda a nossa sociedade. Ele vem das valas comuns abertas para jogar os corpos produzidos pela ignorância do governo Bolsonaro. O mesmo cheiro vem dos corpos putrefatos nos hospitais e frigoríficos à espera dessas valas, pois sequer o reboque para levá-los dá conta da quantidade. O perfume podre vem dos corredores lotados de doentes miseráveis, moribundos, à espera que alguém saia da UTI, vivo ou morto.”

Continue lendo “Um cheiro de perfume podre: paranoia, negação e militares”

Por que o chamado por uma renda básica incondicional é enganoso

Por Kommunistsche Organisation (KO); via Pelo Antimperialismo, traduzido por Vinícius Okada M. M. D’Amico

Representantes do capital e sua esquerda argumentam que deve haver uma distinção entre emprego remunerado e segurança dos meios de subsistência. Devido à perda de empregos, não seria mais possível satisfazer as necessidades das pessoas através de empregos remunerados. A seguridade social deveria ser garantida através de uma renda básica incondicional vinda do dinheiro dos contribuintes e não mais a partir de salários. Mas o interesse básico dos trabalhadores é o de reduzir as horas de trabalho necessárias para todos e aumentar as horas de lazer para todos. Isso só pode ser conseguido através da luta coletiva contra o capital e seu estado.  Continue lendo “Por que o chamado por uma renda básica incondicional é enganoso”

Consumo de álcool, de outras drogas e o COVID-19

Por Raonna Martins

Em termos de conjuntura política não avançamos muito, atualmente: a coisa está muito, muito! pior. As escolhas são escassas: propõe-se abstinência ou violência para as pessoas que fazem uso de drogas e que vivem em territórios vulnerabilizados. Quero dizer também que existem estudos rigorosos sobre esse tema que sequer são levados em consideração, por isso digo da falta de avanço sobre essa temática. Não há falta de estudos sérios. Há surdez em nossa estruturação política. Continue lendo “Consumo de álcool, de outras drogas e o COVID-19”

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑