Badiou quer salvar a matemática

Por Phelippe Petit, via Marianne, traduzido por Daniel Alves Teixeira.

Não é todo dia que um filósofo pega a pluma, ou antes, a palavra, para se colocar como um defensor incondicional dos ensinamentos dos matemáticos. A distância que hoje se cavou entre as disciplinas – notadamente entre as disciplinas literárias e as disciplinas científicas – é tal que é frequente em nossos dias de considerá-la como uma norma. Continue lendo…

Anúncios

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑