Sobre o Mal: Uma Entrevista com Alain Badiou

Por Christoph Cox e Molly Whalen, via Cabinet Magazine, traduzido por Hugo Gomes Penaranda

“Se tornar um sujeito (e não permanecer um simples animal humano), é participar no surgimento de uma novidade universal”.

Continue lendo…

Anúncios

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑